loader

Deputados e especialistas pedem atenção para profissionais que transportam cargas


Comissão de Viação e Transportes da Câmara dos Deputados discutiu as condições de trabalho dos profissionais de transporte de carga


Jornal Floripa



O XVI Seminário Brasileiro do Transporte Rodoviário de Cargas reuniu, nesta quarta-feira (31), em debate na Câmara, deputados e especialistas que pediram mais atenção aos profissionais que trabalham com o transporte de cargas. O evento foi promovido pela Comissão de Viação e Transportes.

O autor do requerimento para realização do evento, deputado Gonzaga Patriota (PSB-PE), afirmou que a crise no País afetou as empresas e os trabalhadores autônomos e, consequentemente, o número de caminhões nas estradas.

"A crise que está no País, que não é apenas uma crise econômica, obrigou muita gente a comer menos, e bastou isso para diminuir, em muito, o número de caminhões fazendo transporte de mercadorias no Brasil", afirmou Patriota.

O parlamentar também pediu apoio da Câmara aos projetos que envolvem o transporte de cargas e destacou que esse setor contribui para a economia, para o desenvolvimento e para as exportações do Brasil.

Menos acidentes 

Já a diretora geral do Departamento de Polícia Rodoviária Federal, Maria Alice Nascimento, disse que as discussões em torno do tema devem ter como foco a vida desses profissionais. Segundo Maria, os acidentes nas rodovias do Brasil diminuíram em mais de 40% nos últimos anos. "Nós trabalhamos pela vida", afirmou.

O presidente da Comissão de Viação e Transportes, deputado Washington Reis (PMDB-RJ), afirmou que o transporte rodoviário de cargas é a base econômica do Brasil. "É com muito orgulho que a gente apoia esse setor que é a vanguarda do nosso País. A gente sabe que quando esse setor desistir do Brasil, o Brasil para mesmo. É a base da economia, a base de tudo", declarou o parlamentar.

Marco Regulatório 

De acordo com a deputada Christiane de Souza Yared (PR-PR), autora de projeto de lei (4860/16) que institui normas para o Marco Regulatório do Transporte Rodoviário de Cargas, o objetivo do seminário foi ouvir representantes da área para que todas as reivindicações sejam contempladas no documento.

"Essa junção de forças é importante, e esperamos que vocês realmente tragam ferramentas e contribuam. O que nós queremos é melhorar o transporte de carga no País, mas melhorar para vocês. É uma luta e o problema é do tamanho do território nacional, nós temos muito trabalho pela frente" disse Yared.

Otimismo 

O secretário de Política Nacional de Transportes, Herbert Drummond, mostrou otimismo ao destacar a importância do seminário ao reunir representantes de diversos órgãos em prol da classe.

"O seminário é de extrema importância para esse momento difícil que estamos passando. Estamos vivendo um momento de elaboração do marco regulatório, e não tenho duvida da qualidade e importância desse evento para o avanço do transporte rodoviário de cargas", afirmou o parlamentar.

Competição 

Como sugestão, o presidente executivo da Associação Nacional dos Usuários de Transporte de Carga, Luis Henrique Baldez, disse que o marco regulatório deve determinar que não seja possível definir um valor único de taxas e outros valores que envolvem a negociação no transporte de cargas.

"Esse setor é economia de mercado, é competição, é preço livre; não há possibilidade de uma pulverização dessa ter alguma regulação quanto a tarifa, preço, valores econômicos das relações entre embarcador e transportador. Isso é de livre negociação", explicou.

Veja também

Educação 16/06/2016

Detran PB lança campanha por redução de acidentes durante festejos juninos

O crescimento da população e o consequente número de veículos, associado ao alto índice de consumo de álcool e do uso do celular ao dirigir, são os principais causadores de acidentes nas vias e estradas da Paraíba

Nos Detrans 01/08/2016

Detran registra 113 pessoas dirigindo alcoolizadas no fim de semana no DF

Motorista é visto se desequilibrando após acidente na ponte JK. Entre junho de 2015 e junho de 2016, DF registrou 348 mortes no trânsito.



Nos Detrans 12/02/2016

Detran RJ realiza serviços itinerantes em cidades do interior

Cidades da Serra, Lagos e Norte Fluminense estão na lista. Serviços devem ser agendados pelo site ou telefone.